O ponto extra nos PDVs,  se conquistados podem oferecer diversos benefícios para indústrias, varejistas e expositores.

Uma das opções para potencializar vendas existente no mercado é a criação de um ponto extra no ponto de venda (PDV). Porém, sabemos que para fazer este trabalho é preciso atuar de forma analítica e com criatividade.

Para entender em merchandising o que é ponto natural e ponto extra, é preciso saber que há dois espaços em qualquer comércio. O ponto natural é aquele composto por gôndolas e prateleiras onde os produtos são expostos de forma recorrente. Todo o restante é considerado espaço extra.

Confira em nosso artigo, o que é ponto extra, tipos mais comuns, como explorá-los da melhor forma e como a tecnologia pode ajudar no controle dessas conquistas.

O que é ponto extra no PDV?

Ponto extra é aquele criado para exposição de mercadorias fora das gôndolas e prateleiras fixas do estabelecimento. Ou mesmo aqueles criados em locais nos quais não são comercializados produtos tradicionalmente. Veja alguns exemplos:

Em supermercados

No supermercado, este pode ser reconhecido como a exposição de produtos em balcões ou mesas, por exemplo, conhecidos como ilhas.

Em quiosques

O mesmo vale para quiosques nos quais promotoras oferecem degustação de novos produtos e os expõem ao lado, para instigar a compra.

Em salões de beleza

Em salões de beleza, por sua vez, podemos encontrá-los nas roupas expostas (às vezes de forma improvisada). O mesmo ocorre com bolsas e até mesmo sapatos.

Em farmácias

Nas farmácias, é comum encontrar espaços, antes vazios, preenchidos com protetores solares e bronzeadores com a chegada de períodos mais quentes.

Em hotéis

Em hotéis, por sua vez, podem ser disponibilizados mostruários com produtos que sejam de interesse de boa parte dos hóspedes. Entre eles, carregadores de celular e adaptadores de tomada.

De uma forma geral, a ideia é otimizar o espaço que estaria ocioso para gerar ainda mais negócios.

Tipos de ponto extra

A criação de um novo ponto extra de merchandising faz parte das ações de Trade Marketing que mais geram impacto no resultado final. Mas é preciso tomar alguns cuidados para que a estratégia seja realmente eficaz.

O primeiro deles é escolher um local que faça sentido de acordo com o produto que está sendo exposto.

Com isto em mente, é preciso escolher qual tipo de ponto extra será montado e qual será o modelo de organização.

Os principais tipos de pontos extras são:

  • Ilha promocional,
  • Clip Strip,
  • Check Stand,
  • Ponta de gôndola, e
  • Orelha.

Ilha promocional

A ilha promocional é, provavelmente, a opção mais conhecida. Trata-se de um quadrado do tamanho de um pallet, ou seja, com pelo menos 1,20. Mas pode ser bem maior do que isso. Bastante frequente em supermercados, ela costuma estar localizada no corredor mais movimentado.

Ilha Promocional
Ilha Promocional

E as ilhas são pagas, de modo geral. Justamente pelo destaque que recebem. As exceções ficam com os acordos anuais feito entre marcas e lojas.

Clip Strip

O clip strip, por sua vez, tem ganhado cada vez mais espaço nas lojas. Estes são os suportes plásticos ou de ferro que ficam na frente das prateleiras. Sua aparência é de uma faixa com ganchos pendurada. Os produtos são colocados em ganchos que não suportam muito peso, por isso o tamanho daquilo a ser exposto precisa ser considerado.

Clip Strip PDV
Clip Strip

Em geral, o objetivo é lembrar o comprador de algo que ele possa estar esquecendo. Por isso, o produto precisa ter a ver com o setor no qual o Clip Strip é colocado.

Check Stand

Check Stand é a área na frente do caixa onde, em geral, estimula-se a compra por impulso com a oferta de salgadinhos, doces, revistas e refrigerantes. Ele costuma contar com três módulos que formam uma espécie de corredor de produtos.

Check Stand no PDV
Check Stand

Ponta de gôndola

Ponta de gôndola é basicamente o final do corredor no qual são ofertados produtos em grande quantidade. Em geral, são colocados ali, no máximo, dois tipos de produtos – quase sempre da mesma marca.

Este é um dos pontos mais importantes, porque tem grande visibilidade, já que não é preciso entrar em um corredor para se deparar com o produto.

Ponta de gôndola
Ponta de gôndola

Orelha

Por fim, a orelha é ligada a uma ponta de gôndola. É comum que ambas com produtos que conversem entre si, como sabão líquido e amaciante. Ou mesmo água e refrigerante.

Orelha PDV
Orelha PDV

As opções são muitas. Mas tudo depende do tipo de exposição que se deseja fazer. Então esta deve ser uma escolhe bem pensada.

Explorando o ponto extra

Um ponto extra pode fazer toda a diferença em uma loja. Especialmente quando o promotor de trade vai além do básico e usa sua imaginação para gerar algo que chame a atenção.

Uma organização bem feita tem o poder de atrair olhares e gerar interesse de forma rápida. Especialmente quando os produtos são sazonais, como panetones e colombas pascais, por exemplo.

Uma barraquinha de palha cheio de produtos que remetam à festa junina chamará mais atenção do que se estes mesmos produtos estiverem em um balcão simples. O mesmo vale para panetones e temas natalinos ou para ovos de páscoa, que tradicionalmente ganham os “tetos” dos corredores dos supermercados.

Mas nem sempre é preciso investir nestes adereços temáticos. A própria forma de organizar a disposição dos produtos pode gerar impacto.

Pirâmides, espirais e organização por tipo de produto (ou sabor) também ajudam a chamar atenção para o produto.

Monitorando ações de ponto de extra

Uma boa exposição pode fazer a diferença nas vendas de um produto. Um local mal escolhido pode ser responsável por uma queda na saída das mercadorias.

Em contrapartida, quando a escolha e a organização são boas, o crescimento pode ser exponencial.

A REsight pode ajudar neste trabalho, por meio do seu aplicativo de trade marketing. Nele, o promotor pode incluir as suas conquistas de pontos extras, organizar as solicitações de reparo, instalação e gestão de contratos e ainda informar o produto que será exposto neste local.

Aplicativo de Trade Marketing da REsight: Cadastro de Conquista de Ponto Extra
Aplicativo de Trade Marketing da REsight: Cadastro de Conquista de Ponto Extra

Desta forma, o gestor consegue saber o que acontece na operação, baseado no seu relatório.

Assim, o promotor consegue expor melhor as ações que têm desenvolvido e ainda torna mais fácil o acesso a elas para o seu gestor. Com isso, o trabalho é feito de forma mais rápida e eficiente.

E você, já trabalhou diretamente com criação e manutenção de ponto extra no PDV? Utilizava alguma tecnologia para registrar essas conquistas? Conte nos comentários quais foram os seus principais desafios e se os resultados valeram a pena.

Você também pode gostar

Fale Conosco

Siga-nos

A Resight é a solução mais completa de execução e monitoramento de varejo do mercado.

Pertence ao grupo Experity, uma empresa criada para inspirar relações duradouras por meio da tecnologia.

Fale Conosco

Telefone
(11) 3787.0400
segunda a sexta, das 9h às 18h
(exceto feriados nacionais)

Endereço
Av. Doutor Chucri Zaidan 1550 – cj. 2503
CEP: 04711-130 – São Paulo – SP

Copyright © 2021 – Todos os direitos reservados